Notificações Amigos pendentes

      Cifra Club News

      Seria o fim do Fifth Harmony?

      16 de fevereiro de 2018 13:55 Por Damy Coelho

      Já não é tabu tocar neste assunto: o Fifth Harmony pode sim, estar perto do fim. E quem aposta nisso é justamente o fandom da girlband, que está em estado de alerta com os voos solos de suas integrantes.

      Primeiro foi Camila Cabello. Agora, Normani Kordei já anuncia um álbum, para a surpresa geral. Enquanto isso, há boatos de que Lauren Jauregui já até mudou de gravadora para poder lançar sua carreira solo. Ela não quis entrar em detalhes. Só garantiu à Forbes que lançar um trabalho próprio era uma possibilidade, mas reforçou que o Fifth Harmony é a sua prioridade número um.

      Coincidência ou não, após estourar o boato, o fandom reparou que Dinah Jane e Ally Brooke (que também já deram seus voos solo) deletaram qualquer referência ao Fifth Harmony em seus perfis nas redes sociais. Vixi!

      Para completar, o grupo está com dificuldades até para cumprir a agenda de turnês. Nesta semana, cancelaram a PSA Tour da Austrália – somando o segundo cancelamento só neste ano. O grupo alegou que o contrato foi quebrado devido a “exigências de agendamento”.

      MAS, POR QUÊ?

      O site NME publicou um artigo nesta sexta (16) apontando os motivos para o Fifth Harmony não ir muito além: primeiro, é inegável que a saída de Camila Cabello abalou os ânimos das meninas. E não apenas pela saída de uma integrante querida, que desde sempre já mostrava potencial para uma carreira solo.

      Na verdade, a saída de qualquer uma das integrantes iria desarmar o conjunto que elas formaram: como em muitas boybands, a dinâmica das músicas eram pensadas para cinco vozes, e não quatro – e aí entra até o nome da banda (a quinta harmonia) que perdeu até sua razão de ser após a saída de Camila.

      Apesar disso, as outras integrantes se mantiveram firmes e lançaram um álbum com a formação reduzida. E teve até ~indiretinha pra ex durante a apresentação do VMA, com direito a uma boneca (que representaria Camila) sendo jogada do palco. O recadinho foi dado: O 5H agora seriam só as quatro e ponto final.

      Mas foi só 2018 chegar para as coisas ficarem incertas novamente. Durante o Carnaval, Normani lançou sua primeira música solo, Love Lies, e já anunciou um álbum: “Estou no estágio inicial das gravações, tenho 30% dele”, disse, em entrevista. E ainda completou que está empolgada com o disco, porque o público irá “saber quem ela é de verdade”. Uma clara direta ao conjunto de padrões estabelecido pelos produtores do 5H, que naturalmente sublimam o talento, o gosto e a personalidade das quatro integrantes enquanto cantoras separadas.

      O lançamento do single foi uma surpresa até para as outras integrantes. Após elogiar o trabalho da amiga, Dinah Jane comentou no Twitter: “hum… quando é que me falar disto, garota? Não estava preparada”.

      Lauren Jauregui é outra grande aposta para seguir uma carreira solo. Sua voz rouca e sua personalidade forte, que faz com que ela se destaque fora do grupo, poderiam render a ela um caminho interessante na música pop. Os feats que ela fez para outros artistas – como a Sober, da Halsey – foram bem recebidas e elogiadas, o que deixa o público empolgado sobre uma carreira solo.

      Mas, com tantas cantoras cheias de potencial para lançarem seus trabalhos, ainda haverá espaço para Fifth Harmony?

      PRÓXIMO One Direction?

      Enquanto isso, parte do fandom já está desolado. Há quem tema que o Fifth Harmony siga o mesmo rumo do One Direction, que entrou em um hiato após os integrantes parecerem mais interessados em investirem em suas carreiras solo. E, convenhamos, com todos eles lançando coisas novas a cada momento, é cada vez mais difícil acreditar que este hiato tenha um fim próximo.

      Apesar disso, não foram todas as carreiras que empolgaram o público. Enquanto Harry Styles, ZAYN e Liam Payne ganharam destaque, Louis e Niall infelizmente floparam – se comparados com o enorme sucesso que já tiveram. Ou seja, o fim de uma banda pop deste porte pode não ser o melhor para todos os integrantes.

      Enquanto isso, o fandom se pergunta se as integrantes remanescentes terão a mesma sorte de Camila Cabello em carreira solo. Enquanto o futuro de suas ex-colegas é incerto, a cubana pode comemorar a boa receptividade de seu primeiro álbum solo, que a levou a se apresentar no Grammy ao lado de gente como Cyndi Lauper.

      Como se já estivesse consolando os fãs de um fim próximo, Normani falou sobre a banda em uma entrevista: “Nós passamos por tudo, coisas boas e ruins, nós somos fortes… Eu acho que somos nós contra o mundo. Mas juntas ou separadas, sempre teremos o Fifth Harmony para chamar de lar.”