Notificações Amigos pendentes

      Cifra Club News

      Dave Grohl se emociona ao lembrar de Chris Cornell: ‘eu o amava’

      13 de setembro de 2017 11:40 Por Damy Coelho

      Dave e Chris Cornell: amizade de longa data (Reprodução)

      Dave Grohl está totalmente empenhado em divulgar o festival idealizado pelo Foo Fighters, CalJam, que vai rolar na Califórnia. O vocalista deu uma entrevista falando sobre as atrações convidadas, e comentou que o Soundgarden estava confirmado para o line up poucos dias antes da morte de Chris Cornell.

      Ao falar sobre o amigo desde a época do movimento grunge, Dave se emocionou. “Eu o amava. Ele era um cara muito doce. Cheio de vida. E ele tinha muito a oferecer. [A morte dele] doeu. […] Senti muito por sua família”, contou.

      Dave ainda falou sobre o sentimento de vazio que fica para a banda quando um companheiro se vai.

      Senti também por sua banda, sabe? Porque essa foi uma longa estrada, cara. Toda vez que acontece, o mesmo sentimento aparece. É chocante, confuso e eu ainda não entendo. Você entra nisso pelo amor à música e o compartilha com as pessoas, e você espera que todos se sintam da mesma forma. Eu sei que é mais complicado do que isso… mas, porra. É uma merda.

      Semanas antes, Dave e Taylor Hawkins também falaram sobre o assunto em uma coletiva. Dave reforçou a importância de não subestimarmos a saúde mental.

      Eu acho que saúde mental e depressão é algo que as pessoas deveriam levar a sério. Existe um certo estigma nisso, infelizmente. Do mesmo jeito que você toma conta de si de diversas maneiras diferentes, eu acho que é importante que as pessoas cuidem delas mesmas nesse quesito. Não é fácil, a vida é difícil.

      Dave fala sobre o assunto com conhecimento de causa: mais de vinte anos anos, ele perdia outro grande amigo e seu companheiro de banda no Nirvana, Kurt Cobain. E este assunto acabou nunca saindo de pauta nas entrevistas. Em 2009, Dave afirmou que a morte de Kurt foi “a pior coisa que me aconteceu”.