Notificações Amigos pendentes

      Cifra Club News

      Robert Plant diz que o rock saiu de moda: ‘parem de viver no passado’

      5 de dezembro de 2017 11:19 Por Damy Coelho

      Para Robert Plant, as pessoas deveriam parar de pedir pelo retorno do Led Zeppelin e procurar ouvir coisas novas (Divulgação)

      Robert Plant tem opinião formada quando vem à tona o assunto da tão esperada reunião do Led Zeppelin. Dando sinais de que ela não deve rolar mesmo tão cedo, o músico refletiu sobre esse frisson em entrevista à Classic Rock Magazine. Para ele, os rumores de uma reunião do Led é consequência de um mal hábito das pessoas, que preferem ficar presas a músicas do passado do que a descobrir coisas novas. E, segundo ele, a imprensa alimenta ainda mais esse desejo de “viver no passado”.

      Isto mostra que as pessoas não tem mais nada para escrever, obviamente. E isto é meio triste. Todas estas revistas e mídias da internet deveriam estar incentivando as músicas novas e ajudando os novos músicos a conquistar o público, ao invés de ficar revirando coisas velhas o tempo todo. A impressão é que não há mais nada novo e empolgante por aí, mas o fato é que há sim. Então parem de viver no passado. Abram os ouvidos e olhos. Não é tão difícil, né?

      Parece surpreendente, vindo de um ídolo do classic rock? Pois o entrevistador  – obviamente um fã mais tradicional – afirmou que há pouca coisa boa explodindo no rock hoje em dia. Plant, então, foi ainda mais provocativo e sugeriu que o rock estava mesmo “ultrapassado”.

      Bem, meio que saiu de moda, não? O Rock atingiu seu ápice, fez o que tinha que fazer, e hoje os híbridos de rock se transformaram em bandas como o Them Crooked Vultures e coisas assim, que são boa música, mas não é rock.

      Depois, hesitou: “Bem, talvez seja rock, talvez minha ideia de rock tenha se tornado meio confusa”.

      E você, concorda com Robert Plant? Aposta que é melhor ouvir o som do passado ou prefere considerar que o estilo evoluiu e criou novas vertentes?