Notificações Amigos pendentes

      Cifra Club News

      Empresa aérea ignora viola do séc. XVII quebrada durante o voo

      8 de janeiro de 2018 13:44 Por Gustavo Morais

      A musicista brasileira Myrna Herzog denunciou, via redes sociais, a experiência negativa que teve com a empresa Alitalia, uma das mais renomadas companhias aéreas da Europa. Ao término do voo que saiu do Rio de Janeiro com destino a Roma, no último dia 2, Myrna constatou que seu instrumento, um exemplar original de uma viola da gamba  do século XVII, foi completamente danificado.

      Instrumento foi quebrado durante o voo (Foto: Facebook)

      No final da viagem, Myrna Herzog recebeu um documento informando que o instrumento estava quebrado. Segundo a musicista, que faz parte da Phoenix Early Music Society, a Alitalia garantiu que o instrumento seria devidamente manuseado para ser transportado em segurança.

      Foi assim que a Alitalia# me entregou a minha Lewis viola da gamba original do século XVII, depois de me garantir que iriam movimentar manualmente o instrumento dentro e fora do avião. Ela (a viola) foi selvagemente vandalizada, como se um carro tivesse passado por cima. Então, não tive muita sorte em contactar qualquer ser humano na Alitalia, e a única resposta chegou até agora é que a empresa não se responsabiliza!

      Veja fotos do estrago:

      O estojo não aguentou as intempéries do voo (Foto: Facebook)

      Instrumento está 100% danificado (Foto: Facebook)

      Será que é possível restaurar a viola? (Foto: Facebook)

      Posteriormente, a musicista publicou fotos mostrando o antes e o depois do instrumento.

      Myrna mostrando sua arte (Foto: Facebook)

      Segundo a musicista, a Alitalia ignorou o estrago (Foto: Facebook)

      Se você quiser apoiar a causa de Myrna, você pode compartilhar o post original.

      .