Notificações Amigos pendentes

      Cifra Club News

      Chorão anuncia a volta do baixista Champignon ao Charlie Brown Jr.

      12 de julho de 2011 21:46 Por Gustavo Morais

      O blog oficial do Charlie Brown Jr. trouxe uma notícia agradável para os fãs da banda na última segunda-feira (11). Através de um post, o vocalista Chorão anunciou a volta do baixista Champignon ao quinteto. O músico entra no lugar de Heitor, que se desligou do grupo porque “manifestou a vontade de priorizar novos projetos pessoais”.

      Champignon saiu do Charlie Brown em 2005, após conflitos com Chorão. Seu projeto mais notável fora do grupo foi a a sua participação na formação da banda Nove Mil Anjos, que tinha Júnior Lima (irmão de Sandy) na bateria e o guitarrista Peu, que já tocou com a roqueira baiana Pitty.

      Com o retorno do baixista, o elenco atual da banda possui quatro integrantes da formação original, que começou a carreira em 1992: Chorão (voz), Champignon (baixo), Thiago Castanho (guitarra) e Marcão (guitarra). A única ausência é a do baterista Pelado, que tirou o time de campo em 2008 e desde então foi substituído por Bruno Graveto.

      Confira a seguir um trecho do comunicado:

      “Ajustamos diferenças entre nós, botamos a limpo o motivo pelo qual nos separamos e ele me disse que percebia agora o quanto tinha sido intempestiva a maneira como ele deixou a banda e os comentários que ele fez sobre mim depois. Ele me pediu desculpas e eu aceitei de boa, mesmo passando até hoje por coisas desagradáveis por conta de todo “fala fala” e esse engano, hoje esclarecido. Porque se havia alguma coisa a ser dita, tinha que ser dita cara a cara entre nós. Motivo pelo qual sempre fiquei na minha, pois no fundo sabia que esse dia ia chegar. Nessa conversa ele também me falou que tinha vontade de voltar a tocar com o Charlie Brown Jr. Notícia que me deixou muito feliz.”

      Para o dia 13 de julho, “o dia mundial do rock”, o Charlie Brown pretende publicar dois vídeos. Um deles reúne cenas das primeiras reuniões dos músicos da atual encarnação da banda e o outro é um depoimento de Champignon sobre a atual conjuntura dos fatos.