Notificações Amigos pendentes

      Cifra Club News

      “Não existem mais roqueiros icônicos”, insiste Gene Simmons

      2 de outubro de 2014 11:19 Por Laiza Kertscher

      Simmons reafirmou que o rock foi assassinado

      Depois de ‘causar’ no mundo do rock ao dizer que o “rock n’ roll está morto”, Gene Simmons deu uma entrevista em que insiste em sua afirmação e adiciona: “não surgiu nenhum roqueiro icônico nos últimos 26 anos”.

      O baixista e fundador do Kiss disse, em entrevista ao Kansas City Live, que culpa o compartilhamento de músicas na internet pelo “assassinato” do rock, argumentando que não existem mais grandes bandas no gênero.

      “De 1958 até 1988 você pode citar centenas e centenas de nomes clássicos do rock”, disse Simmons. “Eu posso falar de Elvis Presley, The Beatles, The Rolling Stones, Jimi Hendrix, Led Zeppelin. E por aí vai. Até na Motown você encontraria. Madonna, Prince e Michael Jackson também. Mas de 1988 até hoje, você consegue citar cinco? Com certeza não. Icônico? Ninguém”.

      Joel Nichols, que fazia a entrevista com Gene, concordou com o roqueiro e afirmou que não conseguia citar nenhum nome icônico do rock desde o final dos anos 80 até os dias de hoje.