Notificações Amigos pendentes

      Cifra Club News

      Confira 5 afinações alternativas para violão e guitarra

      24 de outubro de 2017 9:10 Por Gustavo Morais

      Em se tratando de guitarra e violão, a afinação mais comum das cordas é E-A-D-G-B-E. Segundo estudiosos, a afinação Standard surgiu há mais de 500 anos, com a chittarra italiana, instrumento de 5 cordas, que tinha a afinação A-D-G-B-E.

      Chitarra italiana (Reprodução/Internet)

      Já no final do século XVIII, a música testemunhou o surgimento dos primeiros instrumentos de 6 cordas, que adaptaram a mesma afinação que a chittarra italiana, isto é, acrescentaram apenas um Mi [E] à afinação e teve como resultado o tradicional E-A-D-G-B-E.

      Com a evolução natural das coisas, os músicos foram desenvolvendo várias possibilidades de afinações para violões guitarras. O uso de uma determinada afinação alternativa varia de acordo com sonoridade, estilo e pegada da composição.

      Para entender o dinamismo das afinações, você precisa ter em mente os dois conceitos a seguir:

      • Drop: quando você muda a afinação de apenas uma corda do instrumento
      • Open: quando você toca as cordas soltas e já soa um acorde

      Bem tranquilo, né mesmo? Agora é só você mergulhar nas 5 afinações alternativas a seguir!

      1. Afinação Drop D – (D-A-D-G-B-E)

      A afinação Drop D consiste em descer um tom na sexta corda de E para D, tornando o som um pouco mais grave. É frequentemente utilizada no metal e no rock.

      Exemplos de músicas com Drop D: Led Zeppelin, Moby Dick; Foo Fighters, Everlong; Rage Against the Machine, Killing in The Name.

      2. Afinação Open G – (D-G-D-G-B-D)

      Quando tocada com as cordas soltas, produz o acorde de G. Para se obter a afinação em Gm, você só precisa descer meio tom na terceira corda, isto é, de G para A#.

      Exemplos de músicas com afinação Open G: Muddy Waters, I Can’t Be Satisfied; Chet Atkins, Black Mountain Rag; Rolling Stones, Start me Up.

      3. Afinação Meio Tom Abaixo – (Eb-Ab-Db-Gb-Bb-Eb)

      Consiste em descer meio tom em cada corda. Como proporciona uma sonoridade mais grave, esta afinação tende a dar mais peso no som e facilita o trabalho dos cantores que têm mais facilidade com determinados tons. Confira um vídeo 100% explicativo sobre este assunto!

      4. Afinação Dadgad  (D-A-D-G-A-D)

      Muito usada no folk, esta afinação foi popularizada pelo músico britânico David Graham, nos anos 60. Partindo da afinação Open D, basta descer um tom e meio na terceira corda, de F# para G.

      Exemplos de músicas com afinação em DADGAD: David Graham – She Moves Through the Fair, Pierre Bensusen – Night Song, Led Zeppelin – Kashmir.

      5. Afinação em C – (C-F-A#-D#-G-C)

      Utiliza os mesmo intervalos que afinação standard, mas com dois tons a baixo para todas as notas. O resultado é um som muito mais grave e pesado! Por esse mesmo motivo,  afinação em C é utilizada com mais frequência dentro do metal e derivados.

      Exemplos de músicas com afinação em C: Electric Wizard, Another Perfect Day; Sleep, Holy Mountain; The Smashing Pumpkins, The Everlasting Gaze.

      Se você está por aqui é porque se interessa por violão e quer aprender cada dia mais, certo?

      Se quiser receber conteúdos sobre Fingerstyle, aprender mais sobre a técnica e conhecer nosso curso, cola na gente e se inscreva por aqui!