Notificações Amigos pendentes

      Cifra Club News

      Vocalista do Machine Head critica atitude racista de Phil Anselmo

      30 de janeiro de 2016 9:11 Por Damy Coelho

      O gesto nazista de Phil Anselmo após o show em homenagem a Dimebag Darrell vem dando o que falar. Muita gente, claro, criticou a atitude do famoso vocalista do Pantera, inclusive seus companheiros de música. O vocalista do Machine Head, Rob Flynn, publicou um vídeo se posicionando contra o ato preconceituoso de Anselmo. “Se tivermos lugar para racismo no metal, estou fora. Não quero fazer parte disso”, afirmou.

      Phil Anselmo, além de fazer gestos nazistas no palco, ainda gritou “white power” (“poder branco”) enquanto tentavam tirá-lo de cena. O vídeo que mostra o momento infeliz imediatamente repercutiu na web, e o vocalista deu sua explicação, dizendo que o “poder branco” era uma ‘piada’ em referência ao vinho que eles estavam bebendo no backstage: “Eu estava brincando, e a ‘piada interna da noite’ era porque estávamos tomando vinho branco (risos)”, publicou, em um comentário no próprio vídeo. Já Rob Flynn rebate essa versão: ”Eu estava lá e posso dizer a vocês que não havia um chardonnay ou um pinot grigio à vista no backstage. Na verdade a única coisa que você estava bebendo, Phil Anselmo, eram Becks, cerveja alemã. Talvez foi daí que a brincadeira veio?”, rebateu.

      Confira o vídeo completo (em inglês):