Notificações Amigos pendentes

      Cifra Club News

      Polêmica: produtor de ‘Nevermind’ diz que ’90% do som é Dave Grohl’

      4 de agosto de 2016 11:44 Por Damy Coelho

      Essa notícia vai deixar os fãs de Nirvana intrigados: o produtor de Nevermind – o álbum mais icônico da banda – afirmou em uma entrevista que 90% da sonoridade do disco vem de Dave Grohl“. Polêmica!

      Butch Vig (o produtor do álbum e também baterista do Garbage) falou para a Ultimate Guitar sobre a época de produção do disco, que saiu em 1991. As demos de Nevermind foram gravadas sem Dave Grohl, que ainda não estava na banda. Como Kurt Cobain estava com problemas na voz naquela época, a produção do disco foi adiada, bem a tempo do então novo baterista entrar no jogo.

      Butch Vig (sentado no sofã, ao fundo) é produtor e baterista do Garbage (Foto: Reprodução)

      Essas demos (gravadas em vídeo k7 em baixa qualidade) logo se espalharam e grandes gravadoras ficaram de olho no potencial da banda. Uma lista com nomes de produtores renomados foi disponibilizada para o Nirvana, mas Kurt e Krist queriam trabalhar com Butch Vig, mesmo que o produtor não tivesse experiência em grandes estúdios. Segundo ele, a união deu liga instantaneamente.

      O produtor relembra: ”Gravamos o Nevermind em 16 dias, foi tudo bem rápido (…).A primeira música que eles tocaram foi ‘Smells Like Teen Spirit’. Eu ficava andando pelo estúdio pensando, Oh meu deus. Isso soa bem pra cacete. Dave é um músico incrível. Realmente é”.

      Vig ainda disse que a banda estava super entrosada. “Eles estavam bastante concentrados. Ao contrário do que alguns pensam, eles não eram preguiçosos. Eles queriam fazer um disco foda. Dave Grohl me disse que eles ensaiavam todos os dias ao longo de seis meses antes de entrarem em estúdio. Gravamos a maioria das faixas em um, dois e no máximo três takes”, conta.

      É quando o repórter aproveita a deixa para perguntar sobre Dave: ele questiona se Butch ficou mais concentrado na bateria de Dave durante as gravações do álbum, já que ele também é baterista. “Bem, Dave é um baterista maravilhoso. Não deu para gravar a bateria com PA e isso fez com que a bateria soasse tão intensa…simplesmente deixei fluir”. E continua: “as pessoas me perguntam: como você conseguiu tirar aquele som do Nevermind? e eu respondo: 90% daquele som é de responsabilidade do Dave. Eu só mixei as baterias do jeito que sempre faço. Mas é o jeito que Dave toca…é tão poderoso”.

      E você, concorda com Butch Vig?