Notificações Amigos pendentes

      Cifra Club News

      Evolução musical: Sandy

      4 de novembro de 2017 11:08 Por Damy Coelho

       

      Se tem uma figura quase unânime entre as mais queridas na música pop brasileira, essa figura é a Sandy.

      Uma geração inteira acompanhou o sucesso da cantora na dupla com seu irmão, Junior, e se encantou pelo seu carisma e talento vocal.

      E esse carinho todo se justifica: filha de Xororó, que compõe uma das duplas mais queridas do país, Sandy herdou o talento e a disciplina que ajuda a manter uma carreira consolidada – são mais de 27 anos à frente dos holofotes, e o Brasil não se cansa de acompanhá-la.

      De lá pra cá, foram duetos com nomes importantes da música, de Andrea Bocelli a Laura Pausini, além de participações em filmes e novelas, e o pop romântico-levinho de Sandy e Junior foi parar até no exterior.

      Mesmo com o fim da dupla e vendo cada irmão seguir o seu caminho separadamente, o Brasil ainda se encanta e torce pela cantora.

      Hoje Sandy tem 34 anos e uma dezena de discos lançados – e muito bem vendidos. Atualmente no comando da própria carreira, Sandy é o tipo de artista que pode “se dar ao luxo” de diminuir o ritmo de shows e turnês sem perder o prestígio.A base de fãs fiéis que ela construiu ajuda nesse processo.

      E, entre esses fãs “desde criancinha”, estão nomes como Anitta e Paula Fernandes, que compõem o cenário da música pop atual e não deixam de colocar a Sandy como uma influência importante em suas formações musicais.

      Fala sério, tem como não amá-la?

      Veja só um pouco da trajetória de sucesso dessa cantora que se tornou poderosa para a indústria fonográfica brasileira quando ainda era apenas uma criança.

      1. Maria Chiquinha

      Em 1989, Xororó foi mostrar o talento dos pimpolhos no programa Som Brasil, que celebrava as raízes da música sertaneja. Foi lá que Sandy e Junior cantaram a versão clássica de Maria Chiquinha.

      Mal sabia Xororó que o sucesso da dupla começaria logo ali.

      2. Inesquecível

      Dando um salto no tempo, a essa altura Sandy já tinha uma voz potentíssima e sem traços infantis.

      Inesquecível é uma música digna de diva pop, com agudos que desafiam qualquer cantor – foi gravada originalmente por Laura Pausini e Sandy deu muito bem conta do recado – isso, com apenas 14 anos.

      3. Olha o que o Amor Me Faz

      A baladinha que conta a história de um primeiro amor virou trilha sonora de novela – como muitos exemplos na discografia da cantora. Para além disso, foi uma das primeiras composições de Sandy, que entraria para a faculdade de Letras anos mais tarde.

      4. Pés Cansados

      No momento em que decidiu voar solo sem o irmão, Sandy contou com o apoio dos fãs, que abraçaram a nova fase já no primeiro single, Pés Cansados. A faixa fez parte do primeiro álbum todo produzido pela própria, Manuscrito, lançado em 2010.

      5. Aquela dos 30

      Com um título que mais lembra um episódio de Friends, Aquela dos 30 marca um momento de autorreflexão da cantora que o Brasil viu crescer – e chegar à vida adulta mais linda do que nunca!

      Para relembrar mais sucessos que ajudam a contar a trajetória de Sandy, ouça a playlist da cantora no Letras!