Notificações Amigos pendentes

      Cifra Club News

      Rapidíssimas: Eduardo e Mônica no cinema, Schwarzenegger rapper e mais

      7 de junho de 2019 8:23 Por Gustavo Morais

      Filme contará a história do casal Eduardo e Mônica

      Filme mostra Eduardo e Mônica dando um rolê no Parque da Cidade (Janine Morais/Globo Filmes/Divulgação)

      No intenso vai e vem cotidiano, muita coisa interessante a respeito do mundo da música acaba escapando de nossos olhos. E é aí que entra em cena a coluna Rapidíssimas, o boletim musical mais top da internet.

      Neste post, você verá o guitarrista do Korn fazendo um som com um político conservador. Também fazemos questão de te falar detalhes sobre a adaptação cinematográfica para Eduardo e Mônica.

      Sem mais spoilers e delongas, chegou a hora de ficar ligado nesses assuntos! Se prepare aí e faça uma ótima e divertida leitura ;)

      Paul McCartney aplaude

      Liderado pela jovem cantora canadense Ema Stevens, de 16 anos, um grupo de estudantes fez uma versão do clássico Blackbird, dos Beatles, cantada em seu idioma nativo, Mi’kmaq. Com a ajuda dos professores de uma escola em Eskasoni, Nova Escócia, os alunos gravaram uma versão acústica despertar a conscientização acerca das línguas que estão em risco de desaparecer.

      Paul McCartney curtiu a ideia e fez questão elogiá-la publicamente. “Há uma versão incrível feita por uma menina canadense. Está no YouTube, em seu idioma nativo”, disse recentemente durante um show em Lexington, Kentucky. “É bem genial”, acrescentou. Dê o play e confira a canção:

      Eduardo e Mônica nas telonas

      Já ouviu falar da história do improvável casal que se conheceu em uma “festa estranha, com gente esquisita”? Sim: estamos falando de Eduardo e Mônica, os mesmos lá da música da Legião, que terão sua saga contada no cinema. O preparador de elenco Sergio Penna divulgou, via Instagram, uma foto em em que aparece ao lado dos atores Gabriel Leone e Alice Braga, a dupla que dará vida ao casal nas telonas.

      A trama será ambientada na Brasília dos anos 1980, época em que a música foi lançada. Também estão no elenco os talentosíssimos Victor Lamoglia, Otávio Augusto e Juliana Carneiro da Cunha. A produção fica por conta René Sampaio, que dirigiu a adaptação cinematográfica para a música Faroeste Caboclo, outro hit da Legião Urbana, filme estrelado por Isis Valverde e Felipe Abib.

      Até o momento, o trailer de Eduardo e Mônica ainda não foi divulgado. A sua estreia, no entanto, está marcada para dia 19 de setembro.

      Nu metal gospel

      A banda Korn nunca escondeu suas fortes ligações com política e religião. Um contato recente com Mike Huckabee, ex-governador do estado de Arkansas, deixou esse elo ainda mais evidente.

      Partidário da ala conservadora da política norte-americana, Mike Huckabee atua como comentarista político, é pastor cristão e comanda um talk show. Nesta semana, em seu programa de TV, Huckabee recebeu o guitarrista Brian “Head” Welch. O músico foi convidado para falar sobre seu documentário, Loud, Krazy, Love, e fazendo um som com o seu anfitrião.

      “Hasta la ‘rapper’, baby”

      O astro Arnold Schwarzenegger tem mais uma ocupação: rapper. O eterno Exterminador do Futuro fez a sua estréia na indústria musical ao participar da faixa Pump It Up – The Motivation Song, do músico alemão, Andreas Gabalier.

      A música faz referência ao astro do cinema e narra sua carreira desde o primeiro filme até o auge de sua fama. No meio da faixa, Schwarzenegger entra com um rap cheio de frases motivacionais, como:

      Hey, sou Arnold Schwarzenegger, ouça atentamente/Pense bem e se pergunte quem você quer ser/
      Confie em você mesmo e todos os seus sonhos se realizarão/Quebre as regras e não as leis, não tenha medo de falhar

      A canção faz parte do novo projeto do cantor, o disco The Best Of de Gabalier. Dê o play e confira a atuação do mais novo rapper de Hollywood.

      “Ao mestre, com carinho”

      Sensação do kpop, o fenômeno BTS é sucesso por onde passa. Durante apresentação no Wembley Stadium, na Inglaterra, um dos integrantes do grupo, Kim Seok Jin, prestou um tributo a Freddie Mercury, ex-vocalista do Queen.

      Na performance, Jin simula a parte em que o saudoso Freddie interage com seus súditos durante o lendário show do Queen no Live Aid, em 1985, que foi fielmente retratado na cinebiografia Bohemian Rhapsody.

      Por fim, mas não menos importante:

      Muito bem! Agora que já conversamos sobre os assuntos mais bacanas da semana, que tal espalhar esse conteúdo por aí? É bem simples: basta compartilhar nas suas redes sociais! Ah, e não se esqueça marque seus amigos que se interessam por música e cultura pop ;)