Notificações Amigos pendentes

      Cifra Club News

      Políciais Militares pedem indenização a Rita Lee por danos morais

      9 de maio de 2012 11:23 Por Laiza Kertscher

      Cada PM pede mais de R$24 mil de indenização a Rita Lee

      Pelo menos dezesseis policiais militares de Sergipe entraram com um processo contra a cantora Rita Lee. Segundo o advogado dos PMs, Plínio Karlo, eles teriam sido ofendidos pela roqueira, no dia 29 de janeiro, em Sergipe. As informações são do jornal O Estado de São Paulo.

      Na ocasião, enquanto fazia seu último show, Lee protestou contra a ação dos policiais que realizavam a segurança do evento. No final da apresentação, a cantora foi detida por desacato e encaminhada à delegacia local, onde prestou depoimento e foi liberada em seguida.

      O advogado dos PMs pediu R$24.880 no processo para cada policial “agredido verbalmente” pela artista.

      “A declaração dada por ela nesta semana ao ‘Fantástico’, de que sofreria de transtorno bipolar, não irá prejudicar a ação”, disse o advogado. “Como ela poderá alegar que estava doente naquele momento?”, indagou Plínio.

      Na última semana, a Justiça propôs que Rita Lee doasse R$115 mil para Fundo Municipal para Criança e Adolescente da Barra dos Coqueiros e que prestasse serviços à comunidade por três meses, para não dar prosseguimento à ação. A cantora tem um prazo de dez dias para informar se vai ou não acatar o acordo.