Notificações Amigos pendentes

      Cifra Club News

      Exames médicos concluem que B.B. King não foi envenenado

      14 de julho de 2015 10:13 Por Laiza Kertscher

      Exames concluíram que B.B King não foi assassinado

      Investigações médicas confirmaram que o músico B.B. King, que faleceu no dia 14 de maio, morreu de causas naturais, principalmente em decorrência da doença de Alzheimer. A conclusão dos exames descarta as acusações feitas pelas duas filhas do músico, que afirmaram que ele teria sido assassinado.

      A morte do músico de 89 anos também foi atribuída a doença arterial coronária, diabetes, insuficiência cardíaca, hipertensão e danos cerebrais devido ao baixo fluxo sanguíneo, segundo o Instituto Médico Legal do condado Clark à imprensa.

      A investigação de homicídio foi realizada depois que as filhas do músico, Karen Williams e Patty King, alegaram que B.B. King havia sido envenenado por sócios de longa data. O advogado dos sócios do Rei do Blues, na ocasião, disse que as alegações eram ‘difamatórias e falsas’.